Entendendo o Tarô: a Justiça

A carta d’A Justiça aconselha que a pessoa encontre equilíbrio entre forças conflitantes, entre o material e o espiritual, o físico e o mental, o lógico e o intuitivo. Ela é justamente o símbolo do equilíbrio entre a mente e a habilidade de encontrar uma linguagem comum com outras pessoas – especialmente em assuntos importantes, que trazem maturidade e experiência de vida.

A carta indica a necessidade de passar e repassar todos os aspectos de uma determinada situação para tomar a decisão certa, lembrando sempre da importância do equilíbrio e da imparcialidade.

Justiça tarot cartas adivinhação futuro sorte conselho magia

Descrição da Carta

É geralmente representada por uma figura feminina, sentada ou em pé. Na maioria dos deques de tarô, ela se situa entre duas colunas e por vezes, usa uma coroa. Em alguns baralhos, a figura usa uma armadura, enquanto em outros, um manto ou robe. Em uma de suas mãos, ela segura uma espada levantada, e na outra, uma balança perfeitamente equilibrada.

Uma importante característica da Justiça no Tarô é que, ao contrário de Themis, ela não é cega: seus olhos estão bem abertos e olham diretamente para quem segura a carta. A Justiça Divina, em contraste com a justiça humana, vê tudo.

Interpretações e significados da carta d’A Justiça

Justiça tarot cartas adivinhação futuro sorte conselho magia

  1. Quando a carta está de cabeça para cima

Boa sorte em assuntos legais e competições. Comunicação bem-sucedida com juízes e advogados. Aja legal e honestamente e você terá sucesso. Qualquer mentira ou engano podem levar à derrota. Outros simbolismos incluem:

  • decisão positiva, recompensa
  • força espiritual, justiça, equilíbrio, racionalidade, postura, integridade, retidão
  • habilidade de julgar imparcialmente, pode indicar também um processo legal
  • vitória da Lei em geral, triunfo da parte merecedora no tribunal

O significado prático da carta é justiça em relação ao Consulente não apenas na confusão de processos legais, mas também em qualquer campo onde julgamentos sejam feitos ou disputas sejam resolvidas. Se a pessoa está esperando pela decisão da corte, a carta prenuncia que ela será a seu favor.

Você está esperando pelos papéis ou atividades legais que o atingem de alguma forma. Talvez o assunto seja controverso – um divórcio, por exemplo, ou a compensação de perdas. A carta pode indicar um julgamento por vir (mas pode ser também uma disputa ou competição).

Justiça tarot cartas adivinhação futuro sorte conselho magia

  1. Quando a carta está de cabeça para baixo

Hipocrisia, comportamento “duas-caras”. Engano, falha, raiva, ressentimento. Comunicação com representantes da lei resultarão em perdas. Pode indicar também:

  • injustiça, discordância entre sentimentos e mente, complicações legais, preconceito
  • julgamento adverso, viés, coerção
  • fanatismo, abuso de poder ou justiça, complicações em casos na corte, punição injusta, severidade excessiva

Quando invertida, A Justiça sugere que um processo legal pode estar sendo dirigido contra o Consulente.

A carta implica também injustiça e julgamento incorreto, independente de se a pessoa é o criminoso ou sua vítima.

Pode indicar uma falha, bem como um caso sem solução. Você está enfrentando um aprendizado duro. Você aprenderá e será ensinado, mas as lições não serão prazerosas, ainda que possam trazê-lo algum benefício.

Em qualquer caso, você aprenderá a aceitação da necessidade. No cenário de um caso amoroso, é muito provável que ele seja quebrado. Na esfera mental, indica instabilidade de caráter, amargura e ressentimento.

Justiça tarot cartas adivinhação futuro sorte conselho magia

  1. Significado interno da carta

Idealmente, A Justiça é a aderência à Lei apesar da oposição, inclinações pessoais ou peculiaridades da lei humana. Se essa carta descreve a situação, você terá o que merece, de forma que o resultado será absolutamente justo e estritamente legal. Não se esqueça de que você é capaz de tomar a decisão correta e não deve permitir que ninguém o convença do contrário.

Essa é a Justiça Divina, absolutamente incorruptível e completamente imparcial. Ela opõe a justiça humana, que é influenciável e, por isso, imperfeita. A Justiça Divina não pode ser influenciada por preferências pessoas ou pelas limitadas habilidades das pessoas de distinguir verdades de mentiras.

É assim que deve ser e é assim que será. Ninguém pode mudar isso.

As balanças da Justiça são equilibradas, e a Justiça claramente vê o que deve ser feito. Uma espada em uma mão e uma balança na outra simboliza a natureza dupla da Justiça: precisão e rigor.

Nesse estágio do seu desenvolvimento espiritual, esse tipo particular de visão é necessário para aprender como um iniciante. Para passar por esse portal, você deve aprender a olhar abertamente para o mundo e para si mesmo, para que o que é, e não o que você queria ou esperava ver, e para julgar apenas pelo que foi realmente conquistado.

Leia também:

  

  
  

Deixe um comentário