Sigilos mágicos

  1. Símbolos e a criação de seu próprio sigilo

Símbolos são a linguagem do subconsciente. Símbolos abstratos conseguem contornar a tagarelice lógica da consciência e se voltam diretamente à razão interior. Por isso, se quisermos obter uma mensagem clara e rapidamente – e com relativa facilidade – do inconsciente, os sigilos são o caminho certo.

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejosDreolin

Atualmente, existem dezenas de formas tradicionais de praticar a magia dos sigilos, e qualquer pessoa com uma mínima imaginação pode facilmente criar mais algumas dúzias de símbolos – por essa razão não tentaremos explicar todos eles aqui: ao invés disso, daremos um exemplo de dois métodos bastante simples que foram testados e reconhecidos pessoalmente como aqueles que levam a resultados.

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos

A magia é para todos

A primeira coisa que deve ser considerada na prática dos sigilos mágicos é o desejo, a necessidade, sincera acima de tudo. Algo muito importante (para você mesmo) deve levar a isso. Nós não acreditamos que o uso da magia para fins pessoais seja algo ruim, mas se esse for um receio seu, sinta-se livre para não ler mais.

Por outro lado, para aqueles de vocês que compartilham nossas crenças de que o Universo é um lugar de muitas possibilidades (de um desejo realmente forte), continuem lendo.

Como dito acima, primeiro, deve haver um desejo muito claro – toda magia, símbolos e outras coisas dependem principalmente da habilidade do mago de imaginar exatamente o que ele quer nos mínimos detalhes. Afinal, magia é um trabalho.

Imagine seu sigilo

A próxima coisa é que você deve ser capaz de visualizar o desejo de forma clara e precisa em uma sentença (de preferência curta). Isso é comumente conhecido como uma declaração de intenções. Esteja muito, muito certo daquela que é exatamente a sua intenção.

Lembre-se da primeira lei universal: conhecimento é tudo. Se você não sabe o que quer, por favor, não faça isso. Se você não sabe, mas mesmo assim fizer… então não diga que não foi avisado.

Você pode criar uma prece da forma que quiser. Leia sua oração várias vezes. Afaste-se e volte mais tarde com a cabeça limpa. Palavras são coisas complicadas. Muitas delas têm dois significados e quase todas podem ser levemente distorcidas dependendo de quem ouve.

Uma coisa que recomendamos no momento é usar a frase “eu desejo que”.

Certo, primeiro você sabe exatamente o que você quer. Em seguida, expressa sua vontade de obtê-lo.

Declaração e silêncio do sigilo

O próximo passo é cria um Selo Mágico que fará exatamente isso. A última coisa é não revelar seu desejo para ninguém.

O silêncio, nesse caso, é muito mais do que apenas deixar de conversar com outras pessoas sobre o seu trabalho: é não permitir nem mesmo que sua mente fale consigo mesma sobre isso. Você deve manter seu Ser em silêncio e esperar, sem se preocupar e sem contar com isso, mas tendo certeza de que no final, provavelmente da maneira mais inesperada, sua vontade será executada.

Depois de ter construído sua prece e estar satisfeito por ela expressar exatamente o que deseja (e, em alguns casos, quando exatamente você deseja obtê-la), descreva-a por completo. Não importa como você vai escrever – use letras gregas, hieróglifos ou runas –, mas tenha em mente que deve ser algo que seja próximo ao seu coração. Se você se identificar com isso, acredite que falará com você profundamente. Escreva com orgulho. Escreva com confiança. Sorria enquanto faz isso.

O próximo estágio é a criação do seu sigilo. Existem muitas formas de “codificar” a declaração. Uma delas é excluir cada letra que tem um par e constituir um sigilo como o exemplificado abaixo (letras usadas: J, B, L e F).

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos

Caso muitas letras permaneçam no sigilo, outra opção é você pegar apenas as letras que ocorram uma vez na declaração, como mostrado abaixo:

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos

Solte sua imaginação crie seus sigilos

Antes de fazê-lo, no entanto, tenha certeza de que, ao criar o símbolo, ele não tenha absolutamente nenhuma semelhança com a declaração original – isso nos leva à parte artística, a partir da qual você usará as letras que deixou e criar formas para construir símbolos que representarão o desejo.

Faça isso do jeito que preferir. Use canetas, lápis, papel pergaminho, tinta de sangue de dragão ou coloridas. Você também pode cortar em papel colorido ou criar no computador. Isso não importa, pois este é o seu universo. O símbolo não tem preferência no meio nutriente: ele apenas reage à energia, à sua energia.

Além disso, você coloca poder em sua criação e esta última será um guia para este poder. Como sempre na vida, você obtém o que investiu. Apenas lembre-se de limitar seu sigilo para focar e reter sua energia.

Agora você tem seu sigilo – sua obra de arte e a personificação física do que você deseja. O próximo passo é decidir o que fazer com esse objeto. E este é o momento em que a magia dos sigilos se divide em dois métodos separados, dependendo do propósito para o qual o Selo foi criado.

Se o seu desejo é algo que precise ser constantemente atualizado (geralmente são coisas intangíveis, como autoconfiança e prosperidade), então pegue seu Selo e pendure-o em algum lugar de destaque onde você o veja todos os dias.

Pode ser na geladeira ou no monitor do computador. Não importa o lugar, o importante é você poder vê-lo todos os dias. Em pouco tempo, sua mente parará de notar o feitiço. Mas seu desejo inconsciente e sua mensagem mágica se fortalecerão continuamente.

Se você quer algo que virá uma vez em sua vida, ou pelo menos em um momento específico, como um novo computador ou um trabalho decente, então você deve inserir seu Selo no seu inconsciente usando qualquer técnica que preferir, e, em seguida, destruí-lo. Isso é algo difícil depois de todos esses esforços, mas é necessário.

Depois de ter destruído o selo completamente (melhor com a ajuda do fogo, que quase não deixa nada), você deve esquecer tudo isso. Comece a fazer algum trabalho diário. Assista TV, ou opte por algo que silencie seu cérebro. Faça o que fizer, mas não pense mais nisso. Fique calmo. Fique confiante e seja grato. Todas as coisas boas vêm para aqueles que sabem esperar.

  1. Preparação e uso dos símbolos

Para muitos estudiosos do ocultismo, o uso de selos é o modo mais simples e eficaz de todos os métodos mágicos. Além do fato de que tudo pode ser resolvido com um sigilo simples em um curto período de tempo, não existe trabalho para o qual seja impossível encontrar uma solução com a ajuda de sigilos.

Um sigilo é simplesmente um símbolo criado usando uma combinação de letras encontradas em uma declaração de intenção/desejo ou no nome de uma divindade ou algo parecido. Depois que a imagem ou o desenho for criado, você poderá “acender” ou carregar o sigilo usando vários métodos.

A maioria das pessoas que usa os selos os trata como uma ferramenta para a autossugestão, e sente que esses selos precisam ser “queimados” no inconsciente, acreditando que só depois de esquecidos, eles começam a funcionar.

Isso não é necessariamente verdade, pois não há regras ou métodos que funcionem para todo mundo. Você precisa usar o que aprende e adquire no caminho da melhor forma que lhe convier.

Os sigilos são apenas mais uma ferramenta para focar a vontade, como qualquer outro atributo mágico. A focalização do desejo ocorre durante a criação do sigilo e, de fato, a transferência da vontade ocorre durante o carregamento do sigilo.

  1. Preparação

Um sigilo começa com uma simples declaração de intenção/desejo. Como já foi dito, essa afirmação não deve incluir nenhum ponto negativo, uma vez que o inconsciente não consegue decifrá-los e, como resultado, o resultado pode ser oposto.

Apenas comece declarando o que você deseja ter ou obter. Algumas variações começam com: este é o meu objetivo… esta é a minha vontade… este é meu desejo… etc. Por enquanto, usaremos “Essa é a minha vontade…”, de forma que sua declaração será formulada da seguinte forma:

“Esta é a minha vontade para receber dez pontos no exame de trigonometria” (apenas para fins práticos)

Uma vez que você tenha uma declaração de desejo/intenção, risque todas as letras repetidas.

As letras remanescentes serão: É, H, V, C, B, Z, X e G

A partir daqui, basta criar uma imagem simplificada que consiste nessas letras sobrepostas, para que se obtenha uma forma de imagem que seja indistinguível da frase original. Observe que a letra M pode ser escrita de cabeça para baixo e a letra E pode ser vertical, portanto, nenhuma dessas letras na imagem deve ser repetida mais de uma vez.

Aqui está uma versão muito simplificada do sigilo, onde todas as letras da declaração de intenção/desejo podem ser encontradas, mas ninguém, a não ser você, pode dizer que é um derivativo dessa sentença.

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos

O desenho está pronto. Existem muitas maneiras diferentes de construir sigilos. Este é o mais básico, mas existem outras maneiras. Algumas pessoas também tentam adicionar mais elementos artísticos ao design de seus selos, incluindo cores, bordas e fontes arredondadas.

  1. Sobre a preparação e uso de sigilos

Nesta seção, conheceremos vários métodos de carregamento e execução de selos. Cada um tem sua própria maneira de fazê-lo e a maioria pode ser considerada eficaz.

  • A queima dos sigilos

Provavelmente, a parte principal da queima de sigilos, como na maioria dos trabalhos mágicos, é a visualização. É usada em quase todos os métodos de queima.

A maioria dos livros sobre esse assunto lhe dirá que é preciso esquecer o significado do sigilo em um nível consciente e permitir que apenas o subconsciente entenda isso. No entanto é importante ter fé na magia e entender como ela funciona.

  • Métodos

Uma das maneiras mais fáceis e rápidas é destruir o sigilo ao desenhar rapidamente um símbolo, ou aplicá-lo de alguma forma a um objeto e depois destruí-lo. Por exemplo, você pode desenhar um sigilo num cigarro e fumá-lo.

Ao inalar, você pode segurar a fumaça para “ativar” o sigilo. Ao expirar, visualize como a fumaça cresce e se expande além dos limites do infinito, com a sua vontade afetando todas as moléculas, por analogia com o conceito do “Efeito Borboleta” da física quântica.

Este método também funciona com a aplicação de sigilos a velas ou a um pedaço de papel. Outra ideia interessante é colocar o símbolo em um papel que está queimando e, neste ponto de consciência ou sensação, absorver o poder com seus olhos.

Outro método popular é o uso da magia sexual. É muito fácil de usar esse método ao queimar selos. O autor Frater U .. D .. introduz essa ideia na magia dos sigilos em seu livro “The Secrets of Sexual Magic”. Claro, isso pode ser feito com ou sem um parceiro. Em qualquer caso, a ideia é visualizar o símbolo flamejante no momento do clímax, seja no ar ou no seu parceiro, dependendo do que é melhor para você.

A ideia principal é ativar o sigilo enquanto estiver em um estado de gnose, e isso pode ser feito de diferentes maneiras. Para entrar em um estado de gnose, você pode usar a ajuda da música, por exemplo, música experimental.

Na verdade, você pode usar qualquer processo e, neste momento, visualizar o sigilo, ou usar as técnicas de queima de sigilos mencionadas anteriormente. Muitas pessoas colocam sigilos em movimento usando outros métodos mais extremos para alcançar a gnose.

Alguns deles são o uso de dor ou prazer, jejum ou privação de sono. As ideias e variações dos métodos são infinitas.

  1. Introdução para sigilos

O pior inimigo do mago é sua consciência despreparada. Ela é capaz de destruir tudo que você faz para eliminar pensamentos negativos, seja ansiedade geral ou medo do fracasso. Pense na frase geral “Pensamento acima da Matéria” e com que frequência ela é usada na vida cotidiana.

Embora essa frase seja mais frequentemente referida em situações positivas, como a cura, ela é relevante também para situações negativas. Se você realmente acredita que algo vai acontecer, seja isso bom ou ruim, então realmente vai acontecer.

Não adianta desejar muito alguma coisa se desde o começo você já estiver inclinado a pensar na derrota. “Se eu conseguir esse emprego, será que vou poder lidar com isso? Não posso arriscar, sei que tudo acabará mal”.

As pessoas muitas vezes perdem grandes oportunidades de sucesso simplesmente porque temem a responsabilidade ou o futuro resultado, e se houver uma oportunidade, muitas inadvertidamente a destroem com seus pensamentos sombrios.

Os sigilos são uma maneira rápida e eficaz de contornar a consciência e uma possibilidade de auto-sabotagem. Eles são símbolos de intenção carregados através do estado de gnose, comunicando-se diretamente com o subconsciente, permitindo que este último trabalhe nesta tarefa sem a intervenção da mente.

Sigilos são frequentemente usados na criação de servos, egrégoras e formas divinas. Portanto, recomenda-se familiarizar bem com o processo de sigilização antes de se mover nesta direção.

Há quatro etapas básicas para a criação de selos:

  1. declaração de intenções,
  2. criação do sigilo,
  3. expulsão do sigilo e,
  4. finalmente, o carregamento do sigilo.

1 – Declaração de intenção

Ao escrever uma declaração de intenções certifique-se de que você esta confiante e não deixou nada para a imaginação. É aconselhável levar alguns minutos e realmente pensar sobre sua situação, criando métodos “plausíveis” para alcançar seu objetivo.

Use uma sentença completa contendo uma declaração positiva. Começar a sentença com “eu vou” ou “a minha vontade é…” pode ajudar bastante. Um bom exemplo seria:

“Vou receber livros esotéricos no próximo mês”.

2 – Criação do sigilo

O método mais comum de criar um sigilo é, como dito anteriormente, reduzir a declaração da intenção a apenas algumas letras, removendo todas as letras duplicadas. Caso ainda assim restem muitas letras, você pode excluir todas as vogais e/ou todas as letras parecidas. 

Então vamos a nossa frase “Vou receber livros esotéricos no próximo mês”. Para essa sentença sobramos com: u b l t n p x. Olha vou no paint criar um sigilo mais ou menos, levem em consideração que eu não sou nenhuma expert em programas de imagem, por isso desculpem se o sigilo ficar feio, ele é só uma ilustração.

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos

Outro método comum usado com frequência em declarações extremamente longas é remover todas as letras, exceto a primeira letra de cada palavra. Sinta-se à vontade para usar seu próprio método de reduzir a intenção, mas certifique-se de que isso faça sentido para você. Depois de ter reduzido a intenção, criptografe as letras e coloque-as em um símbolo. Estilize o símbolo adicionando linhas, círculos, triângulos ou qualquer outra coisa que você ache que vai completar seu sigilo.

sigilo magia esoterismo desefa proteção realização de desejos
Esse silico foi criado com simbolos letras gregas

3 – Expulsão do sigilo

Uma vez que a imagem do seu sigilo estiver pronta, você deve esquecê-la. O sigilo foi criado e será ativado em breve, então você deve ter plena fé de que sua intenção será cumprida e você deve deixá-lo ir.

A maneira mais comum de remover o significado de um sigilo da memória é jogá-lo na caixa que você escolheu especificamente para selos. Mantenha a caixa à vista, e quando você achar que chegou a hora de carregar o sigilo, pegue qualquer sigilo da caixa (escolha o sigilo aleatoriamente) e carregue-o.

Se você decidir experimentar vários métodos diferentes de sigilização, lembre-se de fazer pelo menos dois usos de cada processo. Isso garante que você não consiga lembrar qual é o propósito da intenção simplesmente porque não se destaca do resto.

4 –  Carregando o sigilo

Existem muitos métodos pelos quais você pode carregar seu sigilo e eles se encaixam em duas categorias principais:

  1. aqueles que aceleram e
  2. aqueles que inibem a gnose (Gnose ou Gnosis é um estado mental específico que permite o contato com outros planos não físicos, como o plano etérico, o plano astral e o plano espiritual).

A – Acelerando a gnose

As formas que aceleram a gnose incluem orgasmo, dor, emoções extremas, músicas que induzem transes, sobrecargas sensoriais, dança e outras atividades que podem causar esgotamento extremo ou estados semelhantes a transe através de concentração total forçada.

B – Inibindo a gnose

As técnicas que desaceleram incluem meditação, transe, ioga e qualquer outra atividade calma, incluindo tédio extremo.

Ativando o sigilo

Quando você chegar a um clímax no método escolhido, concentre-se na imagem do sigilo e mantenha-a na sua mente pelo maior tempo possível. Depois de preencher o símbolo, é melhor se livrar dele de alguma forma. Muitas pessoas os queimam, mas, na maioria dos casos, basta jogá-lo fora.

Se você decidir gravar seu progresso, mantenha um diário separado para seus selos. Abra-o apenas para criar um novo símbolo de intenção e anote a data em que foi criado e, posteriormente, um novo horário designado, geralmente um mês.

Note, no entanto, que cada caso deve ser considerado individualmente para registrar quaisquer alterações nas situações, boas e ruins. Não é aconselhável manter cópias do próprio selo ou de selos que você usou; para seus registros, a intenção deve ser suficiente.

Tenha em mente que os sigilos são pessoais. Dessa forma, se você sentir que devem ser adicionadas etapas ou feitas mudanças, sinta-se à vontade para fazê-las conforme necessário.

É justamente por conta dessa liberdade que os sigilos figuram entre as mais simples e eficazes de todas as formas de magia que você pode aprender e usar.

Nota do autor: gente pelo amor de qualquer deus não impliquem com meus sigilos não sei mexer com programas de imagens. Essas são imagens simples somente para ilustrar a criação de sigilos sinta-se a vontade para fazer o que desejar.

Leia tambmém:

Árvore da vida celta, significado e valores

O que é Hoodoo

Ametista: propriedades mágicas e quem pode usá-la

As interconexões da vida. O caminho de um xamã

O Apanhador de Sonhos

Criando poções – ingredientes principais e modo de preparo

Deixe um comentário